08 de julho de 2020

Primeiros dentes do bebê: o que você precisa saber?

Um dos acontecimentos mais esperados na vida do bebê é o nascimento dos primeiros dentinhos. Para os pais, essa é uma fase que gera uma série de dúvidas e preocupações, pois a ruptura pode ser desconfortável, aumentando a irritabilidade e o choro.

Cada criança reage de uma maneira e os pais precisam estar preparados para lidar com as diversas situações. Pensando nisso, fizemos um resumão com tudo que você precisa saber sobre o aparecimento dos primeiros dentinhos do seu pequeno, do momento em que nascem aos sintomas mais comuns. Confira dicas bem legais para aliviar o desconforto e os principais cuidados com os primeiros dentes.

Quando nascem os primeiros dentinhos do bebê?

Não existe idade certa, mas, geralmente, eles começam a surgir a partir dos 6 meses de vida. O mais comum é que nasçam, primeiro, os dentes do meio da boca, chamados de incisivos centrais, depois os incisivos laterais e, por último, caninos e molares.

Se nenhum dente estiver nascendo a partir do primeiro ano, é aconselhável levar seu filho a um odontopediatra – dentista especializado no atendimento de bebês e crianças – para uma avaliação.

Quais os sintomas mais comuns do nascimento dos dentes?

A primeira pista de que os dentes estão a caminho é o aumento da salivação, ou seja, a criança começa a babar mais do que o usual. Você também pode observar um inchaço na gengiva do bebê. Isso acontece porque a pele se rompe lentamente para o dentinho nascer. Outro sinal são as alterações de comportamento, como agitação, irritabilidade, falta de sono, choro com frequência ou perda de apetite.

No geral, os sintomas aparecem cerca de três a cinco dias antes do dente nascer. Se seu filho não apresentar qualquer desses sinais, fique tranquilo. Alguns bebês não sofrem absolutamente nada com o nascimento dos primeiros dentinhos.

O que você pode fazer para aliviar o desconforto do seu filho?

Para diminuir a dor e a coceira na região da gengiva, você pode dar mordedores gelados ou com texturas. Uma massagem na gengiva, com dedeiras ou com o dedo envolvido em uma gaze ou fralda limpa, também funciona bem. Antes, claro, lave bem as mãos!

Na alimentação, o ideal é servir as comidas em temperatura morna, pois alimentos em temperatura quente podem irritar ainda mais a gengiva. Se o bebê estiver muito irritado, procure pelo médico ou odontopediatra. Somente eles poderão medicar seu bebê, caso necessário.

Como cuidar dos primeiros dentes?

Quando surgir o primeiro dente, inicie a escovação, após cada refeição, com uma escova de cerdas macias e pasta de dente com flúor específica para a faixa etária do bebê, indicada pelo seu odontopediatra.

E aí, todas as dúvidas foram esclarecidas? Então, agora, tire muitas fotos e lembre-se de cuidar dos dentinhos do seu filho desde o início para que ele cresça com um belo sorriso. Ah, se ainda tiver qualquer dúvida relacionada aos dentes do seu pequeno, consulte um odontopediatra.

GOSTOU? COMPARTILHE ESSE POST EM SUAS REDES SOCIAIS

Deixe um comentário:


0 Comentários